Casal com Covid-19 é expulso de hotel luxuoso e acaba em local cheio de baratas

Casal com Covid-19 é expulso de hotel luxuoso e acaba em local cheio de baratas

 

Pois é, Amy Wyllie e Jamie Lewis são um casal britânico e que resolveram passar o feriado em um resort 5 estrelas, localizado na Grécia.

Conforme divulgado pelo jornal inglês The Sun, quando o casal chegou no aeroporto realizaram o teste do coronavírus e conforme as autoridades locais, deveriam aguardar o contato em 24 horas para saber o resultado.

Dessa forma, ninguém entrou em contato e assim, continuaram curtindo as férias.

Porém, no quarto dia que estavam de férias, as autoridades gregas entraram em contato com as autoridades britânicas e informaram que o casal testou positivo para o coronavírus.

Com isso, Jamie disse que “Eles mandaram que voltássemos para o quarto do hotel para esperar um médico em algumas horas”.

Além disso, Jamie disse que tanto ele quanto a namorada foram encaminhados para outro hotel que estava infestado de insetos e baratas.

Mas, não parou por aí, o local não possuía internet e a comida era horrível comparado ao outro que estavam.

Ademais, ele disse: “Quando chegamos de carro, o motorista parou a um quarteirão de distância, deu as chaves do quarto e apontou para o hotel. Não teve mais explicações”.

 

Casal com Covid-19 é expulso de hotel luxuoso e acaba em local cheio de baratas

Com isso, o casal informou que ficaram em quartos separados e tiveram muita dificuldade em manter contato, já que não tinham internet e sequer podiam sair dos quartos.

Jamie informou que ficou 7 dias isolados e a namorada mais 7.

Com isso, o casal somente pode se ver e retornar para casa depois de 14 dias, mas tiveram uma surpresa:

Foram também cobrados a estadia do hotel em que ficaram presos.

Dessa forma, Jaime disse:

“Amy está muito chateada. Levou cinco dias para ela voltar ao normal desde que chegamos. É difícil explicar o que acontece quando você tem que ficar preso em um quarto de hotel, sem conseguir comer direito. Te esgota fisicamente e psicologicamente”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *