Notícias e Informações
Publicidade
Publicidade

LUTO: Falece Famosa Cantora do Brega Após Procedimento Cirúrgico. “Dona do hit Eu sou do… Ver mais

A cantora brega, de 35 anos, conhecida pela canção “Eu sou da Amazônia”, foi a óbito nesta quarta-feira (24/1), em Curitiba, no Paraná

Na tarde de quarta-feira (24), a triste notícia do falecimento da cantora do brega, Danielle Fonseca Machado, mais conhecida como Dani Li, abalou a todos. Aos 35 anos, Dani Li partiu na cidade de Curitiba (PR). Desde os 5 anos de idade, ela encantava a todos com sua voz e se tornou famosa após exaltar as belezas do norte em seu hit “Eu sou da Amazônia”, embalado pelo ritmo brega.

Cantora do Brega Dani Li Passa Seis Dias em Hospital Após Procedimento Cirúrgico

Portanto, a confirmação do seu falecimento veio através de seu marido, Marcelo Mira, no início da tarde da mesma quarta-feira. De acordo com ele, Dani estava hospitalizada há aproximadamente seis dias, após se submeter a uma cirurgia na cidade.

Dani Li, nascida no município de Afuá, que fica a cerca de 4 horas de barco de Macapá, era uma figura bem conhecida entre os nortistas por seu estilo musical.

Segundo informações, Dani começou sua jornada musical aos 5 anos, participando de shows de calouros em sua cidade natal, onde passou toda a sua infância. Ainda na infância, ela e seu pai começaram a se apresentar em aniversários e festas familiares.

Todavia, ao atingir 17 anos, Dani mudou-se para Macapá, onde formou seu segundo grupo musical, a ‘banda sensação’, já adotando o estilo brega.

Em 2008, um marco importante ocorreu na carreira de Dani. Ela conheceu o poeta amapaense Osmar Júnior, que lhe presenteou com a música “Eu sou da Amazônia”, um hit que se tornou atemporal nas noites do estado.

Contudo, Dani Li era casada com Marcelo Mira e tinha uma filha, Isabelly, de sete anos. Mãe coruja, ela postava vídeos da filha nas redes sociais.

Além de presentear Dani com a música, Osmar desempenhou o papel de produtor da cantora por muitos anos. Foi ele quem a rebatizou com o nome artístico de Dani Li, substituindo seu antigo nome, “Dani Furacão”. Em uma entrevista à Rede Amazônica, Osmar compartilhou suas experiências de convivência com a cantora.

“Nós tínhamos uma grande amizade. Ela era muito trabalhadora, honesta e humilde […] Hoje faleceu uma das maiores cantoras que a gente viu nascer, até um dia amiga” disse o cantor emocionado.

Há dois meses, Dani publicou seu último videoclipe numa plataforma da internet, atualmente com mais de 12 mil visualizações.

Segundo Marcelo, a família atualmente cuida do traslado do corpo. Conforme o jornal Diário da Amapá, um tio de Dani, Leno, informou que a cantora deve ser velada e sepultada em Macapá, onde estabeleceu sua carreira.

Leia mais: Rafaella Justus mostra a verdadeira face do pai e abre o jogo sobre namoro: “no comecinho… Ver mais

Comentários estão fechados.