Informais inscritos no CadÚnico começam a receber auxílio emergencial de até R$ 1.200

Informais inscritos no CadÚnico começam a receber auxílio emergencial de até R$ 1.200
Publicidade :)

Informais inscritos no CadÚnico começam a receber auxílio emergencial de até R$ 1.200. A partir desta terça-feira, 7, trabalhadores informais, com conta na Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil, começarão a receber o auxílio emergencial de R$ 600,00 ou R$ 1.200,00 (duas cotas). De acordo com o governo, a medida tem por objetivo reduzir o impacto socioeconômico no país decorrente dos efeitaos da pandemia da covid-19.

Os primeiros a receberem o beneficio serão os inscritos no Cadastro Único (CadÚnico). Conforme o informado pelo ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, em entrevista nesta segunda-feira, 6.

Para os pagamentos, a Dataprev, estatal responsável pelo processamento das informações do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), ficará com a função de extrair da plataforma de cadastros os dados daqueles que podem receber o auxílio. Em seguida, todo o mapeamento será repassado para as instituições incumbidas dos repasses.

Publicidade :)

Pagamento liberado para informais inscritos no CadÚnico

Informais inscritos no CadÚnico e com conta na Caixa ou Banco do Brasil começarão a receber o auxílio a partir desta terça-feira, 7. Nessa primeira leva, deverão ser contemplados entre 10 milhões e 18 milhões de brasileiros.

Hoje foi lançado o App o site para a inscrição no beneficio, o app já está na Play Store e na loja da iOS. Além dos aplicativos a CEF disponibilizou uma pagina para a inscrição.

A expectativa é de que os dados coletados sejam rodados dentro de 24 horas, dando continuidade aos pagamentos na próxima quarta-feira, 8.

Bolsa Família

Mas caso dos beneficiários do Bolsa Família que se encaixam nos critérios de recebimento do benefício, a data de liberação do auxílio coincide com o pagamento da próxima folha. Caso o tempo de implementação não for suficiente, se planeja a viabilidade de gerar uma folha adicional para os depósitos.

No entanto, os assistidos pelo programa deverão escolher entre um dos benefício, que será definido pelo de maior valor. Ou seja, caso o auxílio seja maior que o Bolsa Família, este então substituirá o BF pelo período de três meses.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *