Jair Bolsonaro e Eduardo Bolsonaro são intimados pela Justiça para explicarem sobre nomeação para embaixada

O juiz substituto da 1ª Vara Federal Cível da Bahia, André Jackson de Holanda Maurício Júnior concedeu o prazo de 5 dias para que o presidente Jair Bolsonaro e o filho, Eduardo Bolsonaro falem sobre a nomeação para o cargo de embaixador do Brasil nos EUA.

A ação popular foi proposta por Jorge Solla, deputado federal do PT-BA e a decisão foi justamente desta ação.

No processo, o deputado pede “a imediata inibição do ato de indicação de Eduardo Bolsonaro, por seu pai, Presidente da República, para exercer o cargo de Chefe de Missão Diplomática nos Estados Unidos da América”.

Copy

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *