Maurício de Sousa Produções repudia a utilização de gibi

Maurício de Sousa Produções repudia a utilização de gibi
Publicidade :)

Maurício de Sousa Produções repudia a utilização de gibi da Turma da Mônica em post de Weintraub

A publicação do Ministro da Educação está dando o que falar.
Mas, o que aconteceu? Ele publicou uma imagem do gibi da Turma da Mônica ridicularizando o sotaque de chineses falando Português.
Com isso, a equipe do desenhista repudiou a atitude do ministro.
Na imagem Cebolinha está na muralha da China. Porém, o ministro aproveitou que o personagem Cebolinha troca a letra R pela letra L e colocou uma legenda que até o governo chines se pronunciou.
Ademais, a empresa do desenhista disse que não autorizou a utilização do personagem e que há anos possuem amizade e também admiração com a população chinela.
Dessa forma, foi liberada a seguinte nota a mídia:

“Não autorizamos o uso de nossos personagens nessa postagem.
A Mauricio de Sousa Produções tem uma relação de muitos anos de amizade e admiração com o povo da China.
A nossa primeira publicação naquele país foi justamente sobre o descobrimento do Brasil.
E, por aqui, fizemos um “Saiba Mais!” (nossa publicação que aborda diversos assuntos educativos) para mostrar um pouco da rica História da China para os leitores brasileiros. Há 60 anos, a Turma da Mônica preza pela amizade entre todos os povos e continuará sendo assim”

Publicidade :)

 

Maurício de Sousa Produções repudia a utilização de gibi da Turma da Mônica em post de Weintraub

Com isso, o ministro deletou rapidamente o post que estava dando a entender que esta pandemia seria um “plano infalível” chinês com o intuito de dominar o mundo.

Dessa forma, o ministro colocou a seguinte legenda:

“Geopolíticamente, quem podeLá saiL foLtalecido, em teLmos Lelativos, dessa cLise mundial? PodeLia seL o Cebolinha? Quem são os aliados no BLasil do plano infalível do Cebolinha paLa dominaL o mundo? SeLia o Cascão ou há mais amiguinhos?”

 

Saiba Mais

Embaixada da China repudiou o tuíte irônico

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *