MOURÃO DEFENDE RETORNO “LENTO” DE ATIVIDADES APÓS PICO DO COVID-19

MOURÃO DEFENDE RETORNO “LENTO” DE ATIVIDADES APÓS PICO DO COVID-19
Publicidade :)

O vice-presidente Hamilton Mourão, disse nesta quinta-feira (02) que após esse período de maior pico do COVID-19, as atividades devem retornar de maneira lenta.

Todavia, ele ressaltou que o principal é a segurança para a partir disso, voltarmos as atividades econômicas de forma gradual.

“Vou usar uma expressão do tempo do presidente (Ernesto) Geisel. Esse processo terá que ser lento, gradual e seguro. De modo que pouco a pouco as atividades vão retornado”, afirmou ele.

Publicidade :)

Entretanto, além de falar sobre a retomada das atividades, Mourão continuou defendendo a prática do isolamento social nos estados.

De acordo com Mourão, é fundamental que o isolamento permaneça para que possamos passar pelo pior pico do vírus previsto até o dia 25 de abril.

“Ainda estamos naquele momento pré-pico. A avaliação é que temos que continuar com essa política do isolamento para atravessarmos esse mês de abril, e se espera que o pico da doença comece a ocorrer a partir do dia 20 ou 25 de abril, procurando o achatamento da curva”, disse Mourão.

Em conclusão, afirmou ainda que após esse período, acredita que as atividades principais como comércio, bares e restaurantes voltem a funcionar.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *