MULHER É PRESA AO FALSIFICAR EXAME MÉDICO APONTANDO COVID-19 PARA LIVRAR IRMÃ DA CADEIA

MULHER É PRESA AO FALSIFICAR EXAME MÉDICO APONTANDO COVID-19 PARA LIVRAR IRMÃ DA CADEIA
Publicidade :)

MULHER É PRESA AO FALSIFICAR EXAME MÉDICO APONTANDO COVID-19 PARA LIVRAR IRMÃ DA CADEIA

Nesta terça-feira (14), uma mulher foi presa suspeita de ter usado um exame falso apontando covid-19 para livrar a irmã de voltar à prisão.

O caso aconteceu em Canoas, região metropolitana de Porto Alegre.

Publicidade :)

Todavia, o documento alegava que a presa estava dentro do risco de contaminação pelo coronavírus.

Dessa forma, deveria ficar em casa por recomendação da justiça.

Entretanto, a mulher teria repassado o exame falso para o advogado da irmã. No entanto, o pedido foi negado e a suspeita novamente presa.

As duas irão responder por fraude e crime processual.

MULHER É PRESA AO FALSIFICAR EXAME MÉDICO APONTANDO COVID-19 PARA LIVRAR IRMÃ DA CADEIA

Todavia, ainda segundo MP que investiga o caso, o próprio médico que assina o documento alegou que não está mais ativo no CRM e que não atua mais com medicina.

“A prisão preventiva foi solicitada em razão da gravidade dos fatos, já que, aproveitando-se da situação de calamidade pública decretada no Estado, as acusadas tentaram burlar o sistema judicial em razão da Recomendação nº 62 do CNJ, tentando, assim, levar a erro o Poder Judiciário”, disse a promotora de justiça.

Em conclusão, mesmo tendo sido identificado no Sul do país, este tipo de crime vai começar a ser apurado em todas as regiões do Brasil para evitar burlas no sistema. 7

Veja também:

Manoel Gomes, “Caneta azul” distribui cestas básicas em meio a pandemia para ajudar músicos que estão sem trabalhar: “Para quem não tem nada, o pouco é muito”!!

Bolsonaro diz que pode determinar abertura do comércio com ‘uma canetada’ semana que vem Rose 44 minutos atrás43 minutos atrás Ouça a matéria clicando aqui!!

Após perder tudo, ele começou a vender canetas para sobreviver e misteriosamente um ‘anjo’ aparece e muda a situação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *