Mulher foi dada como morta pelos médicos e volta à vida após marido clamar por Jesus em hospital

Uma mulher identificada como Gina Michelles, passou por uma experiência um tanto como incomum. Seu testemunho emociona até mesmo quem não gosta muito de falar sobre religião.
A mulher foi dada como morta pelos médicos, após sofrer um ataque cardíaco.

Mas no entanto o que emocionou os envolvidos no seu atendimento foi o fato que ela voltou à vida, após seu marido clamar por Jesus, e repreender a sentença de morte na ermegência do hospital.

Embora o relato tenha ocorrido na madrugada de 10 de setembro de 2016, a históri foi relembrada na TV americana no começo desta semana.

O Brasil ”ora” pelo o estuprad0r João de Deus que está internado em estado grave

Em live, Safadão faz apelo aos governantes e alfineta: “não pode fazer show, mas pode fazer comício”

Andressa Urach deixa de ser obreira da Universal, chama “evangélicos” de demônios e retoma antigo visual e dispara: ‘Não serei pastora’

Mulher foi dada como morta pelos médicos e volta à vida após marido clamar por Jesus em hospital

Gina Michelles estava com fortes dores no peito quando seu marido Aaron correu para o pronto-socorro. “É difícil assistir”, declarou Aaron .

A mulher sofreu uma parada cardiáca e a equipe médica realizou a reanimação cardiorrespiratória por duas vezes, mas nada à trouxe de volta.

A situação parecia sem esperança. “Eu sabia que o diabo está tentando levar minha esposa e eu não vou deixá-lo vencer”, declarou Aaron.

Após muitas tentativas, a equipe médica interrompeu seus esforços e comunicou ao marido o óbito de sua esposa. Mas Aaron conta que não estava pronto para desistir. “Lembrei-me quando criança, minha mãe dizendo:” Quando você não sabe o que fazer, chame Jesus. “, disse Aron.

Coração de mulher volta a bater, após marido clamar por Jesus Aaron, em seguida, agarrou os pés de Gina e começou a clamar por Jesus, chamando Jesus para a vida e repreendendo a Satanás.

A sala parecia estar tremendo com cada “Jesus” que ele pronunciava. E de repente, a enfermeira informou: “Nós temos um batimento cardíaco”.

A equipe médica concentrou seus esforços mais uma vez e em poucos minutos, a condição de Gina se estabilizou. Mas mesmo assim o médico duvidou de sua sobrevivência devido à quantidade de tempo sem batimentos cardíacos.

De acordo com as informações Gina estava com um bloqueio em uma de suas artérias e precisava de cirurgia.

Os médicos me disseram: ‘Vamos ver como vai ser, ela pode ter que aprender a falar de novo, ela pode ter que aprender a andar de novo’. Mas Gina se recuperou muito bem e leva uma vida normal hoje em dia.

Gina e Aaron adoram compartilhar sobre o poder que viram no precioso nome de Jesus. Gina declara: “Jesus está lá para você, não apenas em seu maior momento de necessidade, mas Ele está lá o tempo todo.

Fale com Jesus. Quero dizer, mesmo que você não pense que Ele está ouvindo, eu prometo que Ele está ouvindo. ”Aaron conclui:“ Eu não era uma pessoa perfeita, eu estava distante de ser uma pessoa perfeita. Eu não merecia que minha esposa voltasse, mas Jesus é tão fiel, e Ele te ama quando você nem sequer merece isso.

Jesus esta vivo. Minha esposa é a prova.
Deus tem a palavra final!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *