Prefeito permitiu festa durante a pandemia

Prefeito permitiu festa durante a pandemia
Publicidade :)

Prefeito permitiu festa durante a pandemia e acabou preso

Tiburcio Chouque, prefeito da cidade boliviana de Patacamaya, acabou preso ontem, terça-feira.
Mas, qual o motivo? Ele permitiu uma festa religiosa que teve 5 dias de duração.
Com isso, a festa teve início no dia 12 e terminou em 16 de março.
Dessa forma, Iván Roja, chefe da polícia de investigações de La Paz, alegou que Tiburcio Choque foi acusado “pelos crimes de ataque à saúde pública, perigo de destruição e quebra de deveres”.
Ademais, o responsável pela denúncia foi o Ministério Público da Bolívia.
A cidade de Patacamaya possui em média 23 mil habitantes e ontem, foi totalmente isolada justamente para evitar a disseminação do vírus.
Além disso, a Bolívia já registrou 194 casos confirmados, sendo que destes 14 morreram.

Prefeito permitiu festa durante a pandemia e acabou preso

Infelizmente, o mundo está sofrendo com esta pandemia e todos têm a obrigação de se prevenir e também, se possível, ficar em casa.

Publicidade :)

Ao agir desta forma, não estará transmitindo o vírus e tampouco poderá contrair a doença.

No mundo, milhares de pessoas já morreram e tantas outras ainda estão internadas nos hospitais.

Além disso, a mídia tem divulgado diariamente a necessidade da população ter os cuidados básicos e formas de se prevenir.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *