Relator aprova décimo quarto salário para aposentados e pensionistas

Relator aprova décimo quarto salário para aposentados e pensionistas

Alias proposta para que os aposentados e pensionistas do INSS recebam o 14º salário ja está pronta para votação na Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa do Senado a Sugestão.

Calendário da 3ª parcela do auxílio emergencial sairá somente na próxima semana

Pois o décimo terceiro salário é pago aos aposentados e pensionistas sempre no final do ano, dessa vez, por conta da pandemia de coronavírus que afetou a renda familiar de todos os brasileiros.

o pagamento foi antecipado, sendo assim, os parlamentares entenderam que eles ficarão desassistidos em dezembro.

 

Na fila do INSS, mãe enfrenta dificuldades para cuidar dos filhos com R$ 171 mensais

Assim aposentadoria e pesão paga pelo INSS, ajuda a sustentar mais de 10 milhões de famílias.

que dependem da renda do idoso para socorrer com as despesas com alimentação, medicamentos, e outras contas como água e energia elétrica.

 

INSS – Beneficiários devem fazer prova de vida para continuar recebendo benefício
Poia além disso, a maior parte deles ajudam a manter as despesas com filhos e netos, por isso, surgiu a proposta, para assegurar aos assegurados do INSS o 14º salário agora em 2020.

 

Relator aprova décimo quarto salário para aposentados e pensionistas

Assim na última sexta-feira, dia 26, o relator é o senador Paulo Paim, aprovou proposta justificando.

que sua decisão é em caráter humanitário, visando gerar amparo para as famílias vulneráveis do Brasil.

 

Relator aprova décimo quarto salário para aposentados e pensionistas

Pois ainda de acordo com Paim a proposta também favorece a economia do país, visto.

que o dinheiro do beneficio retorna muito rápido para o comércio em geral, promovendo assim, um aquecimento na economia local.

Pois caso a proposta seja aprovada os beneficiários de auxílio-doença, auxílio-acidente, aposentadoria, pensão por morte e auxílio-reclusão, serão contemplados.

Confira o passo a passo para aprovação
1ª etapa: A 1ª etapa foi aprovada após já atingir mais de 60 mil assinaturas.
2ª etapa: Ainda esta semana a CDH analisará a proposta pelos Senadores para que o Projeto vire Lei ou PEC.
3ª etapa: Depois disso, a proposta será votada em plenário.
4ª etapa: Agora na última fase, será julgada no Senado e da Câmara, se aprovado será encaminhado para presidente da república que decidirá se sanciona a lei ou se veta.
Todos contra a covid-19

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *