Notícias e Informações
Publicidade
Publicidade

VÍDEO: Esposa é assassinada por PM de folga com socos e tiros em SP… Ver mais…

No domingo (3), o soldado Thiago Cezar de Lima atacou Erika Satelis Ferreira de Lima com cinco socos e depois disparou três tiros contra ela.

No domingo (3), o PM Thiago Cezar de Lima atacou Erika Satelis Ferreira de Lima com cinco socos e depois disparou três tiros contra ela.

Em um incidente chocante na Zona Norte de São Paulo, um policial militar de folga e à paisana, após uma discussão em um carro, agrediu brutalmente sua esposa.

Inicialmente, o PM desferiu cinco socos no rosto dela. Em seguida, de maneira ainda mais terrível, sacou sua arma e disparou três vezes contra ela.

A vítima, Erika Satelis Ferreira de Lima, foi atingida por dois dos disparos. Posteriormente, o soldado Thiago Cezar de Lima foi preso em flagrante pela Polícia Militar (PM) pelo assassinato de Erika.

O incidente trágico foi oficialmente registrado como feminicídio na 4ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) Norte. Posteriormente, Thiago foi encaminhado para o Presídio Romão Gomes, uma instituição da PM, localizada na mesma região.

Erika, que tinha 33 anos e estava casada com Thiago há apenas seis meses, infelizmente perdeu a vida nesse incidente. Além disso, ela deixa duas filhas de um relacionamento anterior, uma perda inestimável para a família.

As cenas DO CRIME estão circulando nas redes sociais

Uma câmera de segurança de um imóvel gravou imagens do carro parado na Rua Bananalzinho, em Perus. As cenas, que estão circulando nas redes sociais, estão sendo analisadas pela Polícia Civil, que está investigando o caso.

Erika, em seguida, abre a porta do motorista, contorna o veículo e abre a porta traseira. Thiago está no banco de trás. Ela tenta removê-lo de lá, mas sem sucesso. Ambos então saem do carro e começam a discutir do lado de fora.

Thiago, num ímpeto de fúria, desfere uma série de socos no rosto de Erika. Em seguida, de maneira abrupta, ele saca uma arma e dispara contra ela.

A mulher, atingida, cambaleia e, num golpe de azar, bate a cabeça no porta-malas, caindo desfalecida no chão. Sem perder tempo, o soldado entra no carro e acelera o veículo, deixando para trás uma cena de caos.

No entanto, num movimento surpreendente, ele retorna, arrasta Erika até o veículo e a coloca dentro. Enquanto isso, os moradores, alarmados pelo barulho, saem de suas casas para investigar o que aconteceu na rua.

Eles testemunham toda a ação, observando com olhos arregalados enquanto a cena se desenrola diante deles.

O homem conduziu a vítima até um hospital da região, onde os médicos confirmaram a morte dela. De acordo com o boletim de ocorrência do caso, ele confessou que atirou na esposa após uma discussão.

Ele justificou seu ato alegando que ela tentou pegar sua arma, e por isso, ele disparou contra ela. No entanto, as imagens contam uma história diferente.

Leia mais: Convidado MORRE durante jantar em uma festa de casamento em Campo Grande e a causa da morte vai lhe surpreender… Ver mais…

Comentários estão fechados.