Notícias e Informações
Publicidade
Publicidade

Mulher Incendeia Casa, Mata as duas Filhas e se Mata em seguida. Tudo isso porque não aceitava o FIM do Relacionamento… Ver Mais…

A mulher, não aceitando o fim do relacionamento, deixou mensagens, segundo a polícia militar.

De acordo com a Polícia Militar, uma mulher identificada como Jéssica Silva do Nascimento é suspeita de matar as filhas, Alice e Letícia, em Parnaíba, litoral do Piauí, na quarta-feira (20). Logo depois, encontraram a mulher morta e os indícios apontaram para um possível ‘suicídio’.

De acordo com informações da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, a mulher primeiro incendiou a própria casa onde vivia com as filhas, no conjunto Raul Bacelar.

A mulher fugiu levando as crianças e os bombeiros foram acionados e informados sobre isso.

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros encontraram um caderno na casa onde a mulher residia com as filhas. No caderno, ela deixou informações sobre não aceitar o fim do relacionamento com o então companheiro.

Posteriormente, ocorreu um afogamento na praia da Pedra do Sal e os bombeiros foram informados.

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros encontraram as duas filhas de Jéssica na praia da Pedra do Sal, em Parnaíba. Eles socorreram e levaram as meninas ao hospital, mas, infelizmente, elas não resistiram e faleceram logo depois.

A principal suspeita é de que a mãe teria deixado as crianças na praia e elas teriam morrido afogadas.

Alguém encontrou a mulher morta logo depois, em outro local. Conforme a Polícia Militar, a mulher deixou mensagens falando sobre não aceitar o fim do relacionamento com o então companheiro. A Polícia Civil está investigando o caso.

É uma tragédia que essa mãe tenha tirado a vida de suas filhas e depois a própria vida. Infelizmente, muitas vezes as pessoas não conseguem lidar com o fim de um relacionamento e acabam cometendo atos terríveis.

É importante que as pessoas busquem ajuda e apoio quando estão passando por momentos difíceis. Se você ou alguém que você conhece está passando por uma situação semelhante, por favor, procure ajuda profissional.

Existem muitas organizações que oferecem serviços de aconselhamento e suporte emocional. Lembre-se de que você não está sozinho e que há pessoas que se importam com você.

É importante lembrar que sempre há ajuda disponível e ninguém precisa passar por dificuldades sozinho. Se você ou alguém que você conhece está passando por um momento difícil, não hesite em procurar ajuda. Lembre-se, é um sinal de força pedir ajuda quando necessário.

Leia mais: ASSÉDIO e AGRESSÃO: Universidade Afasta Médico Paraguaio por Morder Estudante Brasileira… Ver mais…

Comentários estão fechados.