Notícias e Informações
Publicidade
Publicidade

Recepcionista é achada morta e enrolada em tapete. “O CORPO foi encontrado em estado de decomp… Ver mais…

O corpo de Damaris de Almeida Lima, de 26 anos, foi encontrado em estado de decomposição no banheiro de sua casa, na zona leste de SP

Encontraram tragicamente Damaris de Almeida Lima, uma recepcionista de 26 anos, sem vida no banheiro de sua residência, localizada no bairro de Itaquera, na zona leste de São Paulo. O incidente ocorreu por volta das 14h de quinta-feira (10/11).

Posteriormente, eles começaram a investigar o caso como feminicídio. Esse é um agravante aplicado a crimes contra a vida, ou tentativas desses, motivados por violência doméstica e familiar, menosprezo ou discriminação à condição de mulher da vítima.

Descoberta Trágica: Corpo da Recepcionista Damaris é Encontrado em Estado de Decomposição

O corpo da jovem, tragicamente encontrado enrolado em um tapete, já se encontrava em estado de decomposição, sugerindo que estivesse no local há vários dias.

Todavia, Damaris compartilhava sua residência com o noivo, Jorge Bier Julião, que também tem 26 anos. A Polícia Civil atualmente considera Jorge como suspeito do crime. Segundo os relatos dos familiares de Damaris, ninguém vê Jorge desde segunda-feira (6/11). O casal vivia junto há aproximadamente cinco anos.

Um parente de Jorge divulgou sua foto na internet, declarando que ele está desaparecido desde a quarta-feira (6/11). Ela fez um apelo: “Se alguém souber de seu paradeiro, por favor, nos informe”, solicitou ela.

Investigação em Andamento: Asfixia como Possível Causa da Morte de Damaris

Policiais militares descobriram o corpo da recepcionista. A princípio, eles não encontraram sinais visíveis de violência. Contudo, a Polícia Civil investiga se Damaris foi vítima de asfixia, uma das principais linhas de investigação.

Foi descoberto que Jorge possui dois perfis em uma rede social. Em apenas um deles, o suspeito compartilhou uma imagem com a vítima em março de 2022, anunciando seu noivado com Damaris.

Adicionalmente, além do corpo da vítima, a PM encontrou drogas no local. Eles realizarão exames toxicológicos para determinar se Damaris possivelmente usou esses entorpecentes.

Por fim, parentes da recepcionista relataram que ela recentemente expressou o desejo de voltar a morar na casa da mãe. Isso ocorreu porque o casal estava tendo frequentes desentendimentos.

O caso está sendo investigado como feminicídio

O feminicídio ocorre quando alguém comete um homicídio contra mulheres motivado por violência doméstica ou discriminação de gênero. O Brasil implementou a Lei 13.104/15, também conhecida como Lei do Feminicídio, para coibir esse crime.

Existem dois tipos principais de feminicídio reconhecidos:

Quando um familiar da vítima ou alguém que já manteve um laço afetivo com ela comete o crime como resultado da violência doméstica ou em conjunto com ela, isso se caracteriza como violência doméstica ou familiar.Menosprezo ou discriminação contra a condição da mulher. Quando o crime resulta da discriminação de gênero, manifestada pela misoginia e pela objetificação da mulher.

O noivo de Damaris não havia sido localizado até a publicação desta matéria.

Leia mais: Veja último víde0 de PC SIQUEIRA antes de tirar sua vid4: “Eu não aguent… Ver mais

Comentários estão fechados.