Notícias e Informações
Publicidade
Publicidade

Whindersson Nunes se pronuncia e defende criação de lei ‘Jessica Vitoria’, após morte de jovem alvo de fake news… Ver mais…

O artista publicou um vídeo nas redes sociais propondo a criação de uma lei para regulamentar perfis nas redes sociais.

No domingo (24), o influenciador piauiense Whindersson Nunes recorreu às redes sociais para expressar seu pesar pela morte da jovem Jéssica Canedo, de 22 anos. A tragédia ocorreu após a circulação de uma notícia falsa que alegava um relacionamento entre eles. Além disso, no vídeo, o artista apresentou a proposta da Lei Jéssica Vitória, que visa a regulamentação de perfis nas redes sociais.

Whindersson Nunes apresentou a proposta da Lei Jéssica Vitória, que visa a regulamentação de perfis nas redes sociais.

“Estou pensando em iniciar um movimento, com o objetivo de contribuir para a criação de uma lei chamada Jéssica Vitória. Essa lei teria como propósito aprimorar a legislação brasileira em relação a esse ‘jornalismo não oficial’, que considero bastante perigoso.

Existem pessoas que possuem muitos seguidores e afirmam que não estão fazendo algo oficial, no entanto, suas ações impactam milhares de pessoas de maneira significativa”, declarou Whindersson.

“Espero que essa lei imponha uma sanção civil ou criminal à pessoa que publica uma conversa, mesmo que seja pública, sem verificar a veracidade dos fatos. A responsabilidade recairá sobre quem está no topo da pirâmide e lucra com isso”, finalizou o influenciador.

No vídeo, Whindersson se comprometeu a acompanhar as investigações do caso. Visivelmente emocionado, expressou sua solidariedade à dor da mãe de Jéssica e recordou o dia em que sofreu a perda de seu próprio filho.

No contexto do Projeto de Lei

Silvio Almeida, o ministro dos Direitos Humanos e da Cidadania, fez referência ao trágico caso de suicídio de uma jovem que foi vítima de notícias falsas.

Ele defendeu a necessidade de responsabilizar tanto os propagadores de conteúdos falsos quanto as empresas que gerenciam as redes sociais. “A necessidade de regulamentação das redes sociais é um imperativo civilizatório”, declarou ele no último sábado (23).

Silvio Almeida, além disso, fez uma republicação no X de um post do deputado Orlando Silva (PC do B-SP), que é o relator do projeto de lei das fake news atualmente paralisado no Congresso, e que se mostra favorável à regulação das redes sociais no país.

“A alteração do regime de responsabilidade das plataformas digitais é um imperativo político e até moral que o Congresso deve encarar. PL 2630 SIM!”, expressa a mensagem.

“No caso de Jéssica, as responsabilidades precisam ser investigadas e os autores, identificados e punidos. Não se trata de um debate de esquerda ou de direita, mas sim um debate civilizatório!

É preciso resolver a grande questão: as plataformas não são neutras, os algoritmos favorecem o extremo, o grotesco, o destrutivo, o aberrante, o caótico. E isso é remunerado! Há pessoas lucrando com a degeneração da sociedade”, redigiu o parlamentar.

Entenda o caso

Para entender o caso, é importante saber que, no início da semana, perfis de fofocas divulgaram capturas de tela falsas de uma conversa entre Jéssica e Whindersson Nunes. Essas mensagens falsas sugeriam um suposto flerte no Instagram, que culminava com um pedido de encontro pessoal.

No entanto, ambos negaram a autenticidade das mensagens, classificando-as como notícias falsas, e afirmaram que não se conheciam. Em resposta a isso, a estudante publicou uma mensagem extensa em sua conta no Instagram, revelando que estava sendo vítima de ataques. Ela fez um pedido explícito para que os posts contendo as capturas de tela falsas fossem excluídos.

Um dos responsáveis pelo perfil Choquei, que comentou sobre o caso, chegou a fazer uma piada sobre a redação do Enem em resposta à publicação de Jéssica, mas depois a removeu.

Infelizmente, a situação tomou um rumo trágico quando familiares comunicaram a morte da estudante. Whindersson e a assessoria jurídica do Choquei se pronunciaram sobre o ocorrido. Whindersson publica vídeo lamentando a morte de Jéssica e propõe criação de lei em homenagem a estudante.

Leia mais: Acidente FATAL na Bahia: Casal com Filhos de 3 e 6 Anos Morrem em Batida… Ver mais…

Comentários estão fechados.