Notícias e Informações
Publicidade
Publicidade

Família é encontrada morta dentro de carro. “Os corpos Estavam em estado de dec0mpo… Ver mais….

Pai, mãe e filha, de 15 anos, de Olímpia (SP), iriam comemorar aniversário da mulher em São José do Rio Preto (SP) e não foram mais localizados por parentes.

Uma família de Olímpia (SP), composta por pai, mãe e uma filha de 15 anos, planejava celebrar o aniversário da mãe em São José do Rio Preto (SP). No entanto, após a partida, eles desapareceram e não foram mais encontrados pelos parentes.

Infelizmente, descobriram os corpos em uma estrada rural de Votuporanga (SP), todos apresentando marcas de tiros, terminando a busca de forma trágica.

Família é encontrada morta após quatro dias desaparecida

Portanto, Mirele Tofalete, 32 anos, Anderson Marinho, 35 anos, e a filha do casal, Isabelly, 15 anos, desapareceram na quinta-feira (28) após saírem para almoçar em São José do Rio Preto (SP), cidade vizinha, para comemorar o aniversário de Mirele.

Encontraram os corpos em estado de decomposição, com marcas de tiros. Anderson estava caído fora do carro, enquanto encontraram Mirele e Isabelly dentro do veículo. Localizaram o veículo em um canavial em Votuporanga (SP). Levaram os corpos ao Instituto Médico Legal (IML) da região para perícia.

Contudo, um morador que passava pelo canavial em uma estrada rural de Votuporanga descobriu o triplo assassinato. Ele acionou a polícia ao ver o carro abandonado e os corpos. Entretanto, durante os quatro dias em que a família esteve desaparecida, os parentes das vítimas buscaram informações na região de Rio Preto.

Todavia, no domingo (31), a irmã de Anderson revelou uma informação intrigante. Um radar em Mirassol (SP) detectou o carro da família, contrariando os planos de viagem, segundo ela. Portanto, este foi o último registro do veículo.

Contudo, ainda no domingo, familiares receberam a informação de que o celular de Anderson teria dado sinal em Votuporanga, cidade a 139 quilômetros de Olímpia e 83 quilômetro de São José do Rio Preto, local da celebração do aniversário. Um morador encontrou os corpos na cidade após passar pelo canavial e acionou a polícia.

O caso agora está sob investigação da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Votuporanga. Até a última atualização desta matéria, a polícia não prendeu nem identificou nenhum suspeito. Portanto, a investigação continua em andamento.

É uma situação extremamente trágica e dolorosa. A perda de entes queridos é sempre devastadora, e nossos pensamentos estão com todos aqueles afetados por essa terrível tragédia. É importante lembrar que em momentos difíceis como este, o apoio da comunidade pode ser uma fonte de conforto.

Leia mais: [ Tragédia ] Homem mata esposa a f4cadas e agride filho. “A mulher estava agon… Ver mais…

Comentários estão fechados.