Através de mensagens, babá do menino Henry narra em tempo real à mãe as torturas de Dr Jairinho com o garoto

Através de mensagens, babá do menino Henry narra em tempo real à mãe as torturas de Dr Jairinho com o garoto

A policia teve acesso a uma troca de mensagens entre a mãe e a babá do menino henry, onde Thayna de Oliveira, narra para Monique as torturas realizadas por Dr Jairinho com a criança.

Nesse modo, na conversa a baba conta a Monique que o vereador se trancou no quarto com a criança e aumentou o volume da TV durantes alguns minutos.

Em seguida, a criança apareceu com marcas de leões e afirmou que recebeu uma rasteira e chutes na cabeça, reclamando de dores no local.

Desse modo, esse caso de agressão aconteceu no dia 12 de fevereiro e segundo o delegado que está responsável pelo caso esses prints são provas bastantes relevantes. São suficientes para provar que as agressões eram constantes e que o lauda da morte da criança estava certo quando apontou sinais de violência.

Além disso, as trocas de mensagens da babá e da mãe da criança aconteceu quase 26 dias antes da m0rte de Henry.

Através de mensagens, babá do menino Henry narra em tempo real à mãe as torturas de Dr Jairinho com o garoto

Ainda assim, na conversa a babá relata que quando a criança voltou do quarto dizendo que não queria mais ficar sozinho.

Além disso, nos prints a mãe demonstra preocupação com o filho e afirma que colocará uma microcâmera para saber o que estava acontecendo.

Por fim, a babá conta que quando o delegado saiu Henry falou que levou chutes e pancadas na cabeça e afirma está preocupada com a criança.

Em suma, o delegado afirma que a mãe tinha conhecimento das agressões e mesmo assim se omitiu e não protegeu o filho, por isso responderá pelo crime.

LEIA MAIS: 

+Pai de Henry chora muito e detona ex-esposa, Monique, após prisão: ‘Como pode uma mãe apoiar um negócio desses?’

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy