Mulher é encontrada sem vida dentro de cama box

Cláudia Cristina dos Santos Sacramento, de apenas 47 anos, foi encontrada na última terça-feira na casa de um homem chamada Júlio César de Souza sem vida, em um bairro da Zona Oeste do Rio de Janeiro.

A mulher foi encontrada graças a um vizinho do suspeito, que sentiu um odor bem ruim vindo do local e decidiu chamar a polícia. O corpo da mulher encontrava-se enrolado em um lençol e amarrado por um fio dentro de uma cama box. De acordo com as primeiras informações colhidas, marcas de espancamento foram achadas no corpo da vítima.

Segundo a filha de Cláudia, Shayene Aparecida de 21 anos, sua mãe tinha ido até um bar com Júlio no último sábado, após isso, ambos seguiram até a casa dele na Rua Geremário Dantas. O homem se apresentou para às filhas de Cláudia como ‘futuro pretendente a namorado dela’.

A mulher não tinha se relacionado com Júlio antes e, possivelmente, foi atraída após receber promessas de dinheiro e bebida.

Cláudia era vendedora ambulante e tinha nove filhos, ninguém desconfiou do sumiço dela, pois ‘era normal’.

“Mesmo depois de ter matado minha mãe, o Júlio continuou mandando mensagem pra minha irmã falando que tinha gostado muito dela e que queria algo sério. Quando o vizinho reclamava do cheiro ele falava que tinha um gambá morto dentro da casa mas que ele já tinha resolvido o problema”, relata Shayene.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *